Bem-vindo, bienvenido, bienvenu, benvenuto, welcome....


Silêncio cósmico

Pudera eu regressar ao silêncio infinito,

ao cosmos de onde vim.

No espaço interestelar, vazio, negro, frio,

havia de soltar um grito bem profundo

e assim exorcizar todas as dores do mundo.

Regina Gouveia

domingo, 28 de setembro de 2014

Por terras do Oriente-10


Na madrugada do  dia 29 de Agosto saímos do Hotel em direção ao Aeroporto donde partimos  para o Dubai, última etapa da viagem.
Antes de falar dessa etapa, gostaria  de "partilhar"  algumas curiosidades sobre a China, bem como uma espécie de síntese (para todas as idades...)  
De forma muito  ligeira e superficial deixo algumas "curiosidades" sobre vários temas  

Filosofia e religião

As religiões mais praticadas são  o budismo com origem na Índia e o taoísmo religioso (esta com menor expressão). Há outros tipos de religiões na China, mas muito minoritárias como o Islamismo e o Cristianismo  (Catolicismo e Protestantismo)
A par do taoísmo religioso existe o  taoísmo filosófico "criado" por  Lao Tsé 
Confúcio, eventual discípulo de Lao Tsé, viria a difundir o Confucionismo,  corrente essencialmente filosófica.
Aqui podem ver um brevíssimo  excerto do filme   "A Batalha Pelo  Império" (título em português do filme Confucius)

Símbolos e gestos

Sobre símbolos já me referi em mensagem anterior aos sinogramas que facilitam a comunicação entre os próprios chineses pois, para uma mesma palavra/ideia,  a fonética pode ser muito diferente de região para região. Nesses casos comunicam pela linguagem escrita.

Os chineses usam também   gestos para comunicar, nomeadamente os números.Com a mão conseguem representar os número de 1 a 99 .


O número nove é considerado o nº da sorte na China por ser o maior algarismo possível. Cien tem 9 colinas em volta dum lago com 36 pontes (3+6 = 9) e a 
cidade proibida teria tido 999 construções.
Surge também associado  ao dragão. A "Parede dos Nove Dragões" é uma parede com imagens de nove dragões diferentes,  encontrada em palácios e em jardins imperiais.  Os imperadores tinham nove dragões em suas vestes. Há vários  lugares na China chamados  "nove dragões", sendo o mais famoso Kowloon (em cantonês) que deu o nome a Hong kong onde, curiosamente,  o nº 4 é um número indesejável.No Hotel onde ficámos não havia quartos com os números 4,14,24, etc

O símbolo anexo traduz os conceitos de ying e yang  associados à filosofia chinesa 



Zodíaco chinês

O dragão é um dos 12 animais no  calendário chinês.
Na astrologia chinesa, os doze animais que formam os signos do zodíaco representam um reflexo do próprio Universo.
Os animais do signo chinês são:  Rato, Boi, Tigre, Coelho, Dragão,Serpente, Cavalo, Carneiro, Macaco, Galo, Cão e Porco.

Os signos ocidentais são divididos por meses, enquanto que os signos chineses são definidos por ano. Cada ano representa um animal específico do horoscópo chinês.

Flores de Lótus
Em todos os lagos dos parques e palácios que visitámos a flor de Lótus marca presença. É uma flor sagrada associada à figura de Buda e aos seus ensinamentos.  Significa"  pureza do corpo e da mente.
Um poema do começo da dinastia Song, exalta as beldades dos pés enfaixados, mas reconhece a sua dor.

"Ungida com fragrância, ela tem passos de lótus;
Ainda sempre triste, caminha com rápida leveza.
Ela dança como o vento, sem deixar vestígios
Outra furtiva, mas alegre, veste-se ao estilo do palácio,
Mas sente tal sofrimento no andar!"
 (Poema de Su Shi, que viveu de 1036 a 1101)

No passado os chineses consideravam feio  o tamanho dos  pés das mulheres. A beleza e virtude da mulher chinesa estavam vinculadas ao tamanho dos seus pés, que tinham que se assemelhar ao tamanho de uma pequena “flor de lotus”.

A "beleza" dos pés enfaixados que tanta dor causou às mulheres chinesas como Pearl Buck  denunciou em alguns dos seus livros

A planta de Lótus é cultivada como planta ornamental em tanques e  lagos. Para além disso toda a planta é comestível, da  raiz às sementes

Na imagem pode ver-se a flor e também o fruto com as sementes


O fruto estava à venda nos mercados de rua. 

                                                  As duas imagens foram retiradas daqui 

Transportes e Poluição


Estatísticas sobre transporte na China, com dados relativos a 2007

Estradas
O segundo maior sistema do mundo, com 3, 58 milhões de quilómetros, dos quais 53,9 mil são de alta velocidade. 
Vias férreas
Comprimento total  de 78 mil quilómetros sendo 24,4  eletrificados.
Metro: 
Seis cidades (Beijing, Shanghai, Guangzhou, Hong Kong, Taipei e Nanjing) têm metro e estão a ser construídos mais oito  em outras cidades.
O número de passageiros do metro de Pequim excedeu 613 milhões.
Portos: 
Treze portos, cada um com capacidade anual de mais de 100 milhões de toneladas. 
Linhas aéreas
A China tem 1.506 rotas, 1.216 domésticas e 290 internacionais, que ligam 91 cidades. Há 152 aeroportos com capacidade de 185,8 milhões de passageiros e 4,02 milhões de toneladas de cargas.



O transporte fluvial  tem também uma grande importância na China que possui uma rota de de mais de 130 mil quilómetros  um terço dos quais é conseguido no Rio das pérolas, no Huaihe e no Yangtzé que é navegável em 3000 dos seus 5500 km

A par dos meios de transporte coletivos há o transporte individual.
Tal como aconteceu na ex-União Soviética a China "importou" muitos dos aspetos negativos do Ocidente nomeadamente o culto do automóvel. Vêem-se na China inúmeros  automóveis, muitos deles "topo de gama", circulando com apenas um passageiro. As consequência são tremendas quer ao nível do trânsito quer ao nível ambiental.
Vêem-se ainda muitas  bicicletas, a maior parte elétricas, logo menos poluentes.Como são muito silenciosas têm o inconveniente de causar mais acidentes. 

Uma grande fonte de poluição na China é o uso de combustíveis fósseis, especialmente carvão para produção de energia elétrica. Desde 1980, a produção de energia da China tem crescido dramaticamente, já que o consumo doméstico também aumentou drasticamente com o rápido crescimento económico chinês. Cerca de 80% da eletricidade gerada no país vem de recursos fósseis, nas centrais termoelétricas, e 17% vem de hidroeléricas . No Yangtzé foi construída a maior central hidroeléctrica do mundo, a Barragem das Três Gargantas  

Apenas  2% da produção de eletricidade na China vêm de centrais nucleares 



Educação e saúde

O sistema de ensino chinês é muito competitivo e existem numerosos testes ao longo das diversas etapas do sistema. Apesar disso, os níveis de fracasso escolar são muito baixos e a taxa de alfabetização ultrapassa os 94%, segundo dados do Banco Mundial(...)
Pretende-se o acesso generalizado ao ensino superior. Neste sentido, nos últimos anos implementaram-se planos específicos, orientados para pessoas com dificuldades económicas. Estes planos incluem bolsas, isenções ou reduções de matrículas, trabalhos em part-time ou empréstimos estatais.

Dirk Pilat, Chefe da Divisão de Política Científica e Tecnológica da OCDE, citado em comunicado da organização, refere ser espectacular a «rápida progressão da China em termos de volume de despesa em I&D e emprego de investigadores» e acrescenta ainda que, «para não se deixarem distanciar, os países da OCDE devem reforçar a eficiência dos seus sistemas de investigação e de inovação e encontrar novos meios para estimular a inovação num contexto mundial, marcado pela intensificação da concorrência».

Há na China Hospitais altamente especializados e dotados de alta tecnologia mas  o sistema básico de saúde ainda não atinge 100% da população .
O Governo chinês pretende que o sistema básico de saúde chegue a toda a população, que resida em zonas urbanas ou rurais, no ano 2020. De acordo com o livro branco "Serviços médicos e de saúde na China" em finais de 2011, 95% dos cidadãos (cerca de 1.300 milhões) já estavam registados em algum dos três programas básicos de seguros médicos promovidos pelo Estado.
Nível de vida

Os níveis salariais na China têm aumentado constantemente nas últimas duas décadas. No entanto, as disparidades entre regiões geográficas, setores industriais e entre os altos executivos e os trabalhadores também aumentaram de maneira significativa. Por outro lado, os aumentos salariais para os trabalhadores pior pagos foram corroídos, com frequência, pelo aumento do custo de vida.

Etnias

Há na China, para além da maioria  Han (91% da população), 55 minorias étnicas  espalhadas por toda a China. A província Yunnan, no sul, é a província onde moram mais tipos de etnias,  Han e mais de 20 minorias étnicas. 

Existem cerca de 80 tipos de línguas faladas na China. À exceção das  minorias étnicas Hui e Man, que usam a língua chinesa, as outras 53 minorias  têm as suas próprias línguas.
Daí que os chineses muitas vezes só consigam comunicar através de sinogramas. 



Planeamento familiar na China 

A chamada  "política do filho único", foi adotada há cerca de três décadas para travar o crescimento demográfico no país mais populoso do mundo.Essa política previa exceções, nomeadamente  para as minorias étnicas e para os casais rurais que tivessem  primeiro uma filha. Assim o índice de fecundação no país (1,5 filhos por mulher) tornou-se muito inferior ao nível que garantiria  a renovação geracional.  Para além disso, nas comunidades rurais muitas vezes as mulheres,ao saberem que iam ter uma filha, provocavam abortos. Os  filhos eram mais "úteis" para ajudar nos trabalhos do campo.

Consequentemente a população chinesa é uma população envelhecida e há uma grande carência de mulheres.

Hoje a  lei recomenda que as autoridades provinciais, tendo em conta a avaliação da situação demográfica local,  tomem  decisões específicas no sentido de alterar  as suas regras de controle de nascimentos.

Comida chinesa

A culinária é uma parte importante da cultura chinesa e os chineses apreciam a boa comida. Acreditam que uma refeição deliciosa gera felicidade, harmonia e bem-estar físico e mental. Durante as "eras douradas" da China, nas épocas de prosperidade, os chineses desenvolveram  a cultura por meio da arte, da ciência e da culinária.
Também a fome e a miséria desempenharam papel importante no desenvolvimento da cozinha, pois os chineses tiveram de usar tudo o que fosse comestível para se alimentar.
o que é traduzido no dito popular referente à comida cantonesa "os cantoneses comem tudo o que está no ar, menos avião; tudo o que está na terra, menos carro  e tudo que está na água, menos barco". 
 A escassez de alimentos ensinou o povo chinês a não desperdiçar, de modo que as cascas de numerosas frutas e vegetais e as barbatanas de tubarão, são consideradas iguarias na China.

Pessoalmente deliciei-me com a comida chinesa pois durante toda a viagem fui experimentando várias das muitas iguarias disponíveis, genericamente com um aspeto muito apetecível.

Compras


Regatear na  China é  algo cultural. Com exceção de centros comerciais e grandes supermercados a arte do regateio é importante  quando se vai fazer qualquer compra
Os  comerciantes pedem  valores muito inflacionados pelos produtos, especialmente quando os clientes são estrangeiros e não estão familiarizados com  essa "arte" .

Na muralha da China tinha comprado dois livros com fotos sobre a mesma, um deles para mim.Cada um tinha custado 25 yuan (1 yuan corresponde a cerca de 8 euros). 

Fiz pouquíssimas compras na China (o que para mim é normal ). No último dia em Pequim, como ainda tinha algum dinheiro chinês, decidi gastá-lo pois não me serviria para nada. Perto do Hotel havia um" centro comercial" se é que assim lhe podemos chamar, com lojas de toda a espécie onde tudo tinha que ser negociado.
Decidi comprar mais dois dos referidos livros pois seriam uma lembrança  interessante para dar a amigos.
Começaram por pedir 185 yuan por cada um. Ao fim de muito regatear ( eu não tenho jeito mas o nosso amigo Pimentel é "mestre" nessa"arte") comprei os dois por 50 yuan (25 por cada, o valor que dera pelos que já comprara). Ou seja, comprei por um valor mais de sete vezes inferior ao indicado inicialmente...
Divirtam-se com o filme que segue 

O Circo na China

Pode-se dizer que as artes circenses surgiram na China, onde foram descobertas pinturas de quase 5.000 anos em que aparecem acrobatas, contorcionistas e equilibristas. A acrobacia era uma forma de treinamento para os guerreiros de quem se exigia agilidade, flexibilidade e força. Com o tempo, a essas qualidades se somou a graça, a beleza e a harmonia que podemos ver aqui 



Termino com um  balanço final desta visita à China: Valeu a pena .  Gostei muito e aprendi alguma coisa.

Na próxima mensagem, a última desta série, falarei do Dubai

4 comentários:

  1. Também gostei de ler estes pormenores (?) sobre o país em geral, mas o que me aflige é a dimensão de tudo. Dá impressão de que eles têm o mundo inteiro dentro das suas fronteiras. Também me preocupo com a situação politica, pois sei que são violados muitos direitos humanos por lá...
    Obrigada por tanto nos cultivares .....vou fazer um relato da minha ida aos EU, mas esse será meramente pessoal e com o que eu penso do que vejo, não tanto informação ou dados objectivos sobre os locais....
    Bjo

    ResponderEliminar
  2. Ficamos à espera esse relato da ida aos EU.
    Quando vais?
    Na 5ª feira à tarde não posso ir à BMAG pois vou fazer uma endoscopia
    Ab
    Regina

    ResponderEliminar
  3. Querida amiga Regina. Ainda não me sinto muito bem. Estou cansada e custa-me ler. Mas não resisti à tentação de passar os olhos por este 10º relato e o que mais me chamou a atenção foi a tentativa de corrigir os erros que foram muitos e graves.A tentação do Ocidente é grande e daí os grandes automóveis que ainda mais contribuem para a poluição desencadeada pelo uso exagerado de combustíveis fósseis. E afinal regatear não é apenas costume dos africanos. Fiquei admirada. A minha apreciação está um pouco baralhada, pois me sinto ainda cansada,Parece-me ,no entanto, que existe a tentativa de minorar os erros. O sistema de saude e educação agradou-me, embora reconheça a dificuldade em expandi~lo rapidamente pelo país inteiro devido à sua enorme dimensão.
    Um beijo grande.

    ResponderEliminar
  4. De facto aquele país é um mundo....
    Não descuide a sua saúde.
    Ab
    Regina

    ResponderEliminar