Bem-vindo, bienvenido, bienvenu, benvenuto, welcome....


Silêncio cósmico

Pudera eu regressar ao silêncio infinito,

ao cosmos de onde vim.

No espaço interestelar, vazio, negro, frio,

havia de soltar um grito bem profundo

e assim exorcizar todas as dores do mundo.

Regina Gouveia

ERRO AO ABRIR

Por razões que desconheço, o blog deixou de abrir na página inicial. Agradeço que "cliquem" nesta para aceder às mensagens.
Obrigada pela compreensão

quinta-feira, 12 de abril de 2018

O Sol quando nasce...

O Sol quando nasce é para todos- reza o aforismo...É certo que não nasce para todos ao mesmo tempo, mas nasce...
A justiça, essa só nasce para alguns....

Uma bola no estômago em forma de raiva, e vergonha, e tudo

“Um nojo que cresce, e a vida como se nada fosse. Uma bola no estômago em forma de raiva, e vergonha, e tudo. Ricardo Salgado vê a sua caução ser reduzida para metade pelo Tribunal Central de Instrução Criminal. Dos antes 3 milhões, terá que pagar apenas um milhão e meio para limpar a sua vida que não tem por onde ficar mais suja. Na mesma semana, como nos filmes maus, fica a saber que a sua reforma vai triplicar para um valor de 90.000€. Isto num país que tem de encontrar moedas entre as almofadas do sofá para pagar o dia de amanhã”, escreveu o humorista  Bruno Nogueira na sua página de Facebook.
“E a vida segue, e o sol nasce, e nada acontece. A impunidade a qualquer preço num país que não merece ser pontapeado desta maneira. A mer** que passa e acena a quem fica. O nojo que cresce. Mer** por todo o lado, e mais mer**. Merecíamos melhor. Merecíamos que a corrupção fosse punida por quem tem a responsabilidade jurídica e moral para o fazer. O país a ser defendido por nada. O que nos protege é um antibiótico que mata. Vítimas do BES com vidas destruídas por alguém que agora sai premiado. Mereciam melhor. É um país ao contrário, que já perdeu os sapatos, calça meias de cores diferentes e nada acontece. Amanhã tudo segue como ontem. Nada acontece a quem compra a liberdade nas traseiras de tudo. Assim é difícil acordar todos os dias. Assim é difícil não querer chamas e fogo e gritos. Feitas as contas, assim é difícil encontrar Portugal”, sublinha Bruno Nogueira. in https://www.jn.pt/nacional/interior/bruno-nogueira-enojado-com-justica-portuguesa-4873341.html

No Brasil, Lula foi preso. Pessoalmente  não acredito na sua inocência tal como não acredito na de José Sócrates, mas pergunto:
E  Collor de Mello ? E Michel Temer ?   E Ricardo Salgado? Isto só para nomear alguns, muito poucos…

Tandem obtinet justitia (A justiça tarda mas não falha)- o aforismo já vem de longe mas continua a faltar-lhe o acrescento  mas só para alguns...

 Dissonância

Pego na palavra sinfonia e faço-a ressoar.
Faço-a rimar com fantasia, com alegria.
Pego na palavra dança e faço-a voltear.
Faço-a rimar com esperança, com criança.
Mas eis que o som sai desafinado,
e na dança um passo é trocado.
Sinfonia e dança rimam com horror,
criança passa a rimar com dor.
Vêm-me à memória barbaridades da história,
escravatura, exploração,
campos de concentração,
Hiroshima, Bhopall, Chernobill,
os meninos da rua no Brasil,
a prostituição  infantil, a pedofilia,
a corrupção,
barbaridades com e sem nome, 
crianças com fome, com leucemia.
Tapo os ouvidos e bloqueio todos os sentidos.
Não quero mais sentir tal sinfonia.

Regina Gouveia (2002)

E por falar em tardar, também a primavera tarda...

Tudo se conjuga para uma certa tristeza... Nestes momentos, refugio-me na música...


Já que falei na primavera, deixo dois vídeos sobre A sagração da primavera de Stravinsky.

https://www.youtube.com/watch?v=jF1OQkHybEQ bailado


https://www.youtube.com/watch?v=ACzkbiez2UU

Sem comentários:

Enviar um comentário