Bem-vindo, bienvenido, bienvenu, benvenuto, welcome....


Silêncio cósmico

Pudera eu regressar ao silêncio infinito,

ao cosmos de onde vim.

No espaço interestelar, vazio, negro, frio,

havia de soltar um grito bem profundo

e assim exorcizar todas as dores do mundo.

Regina Gouveia

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Íris Científica


O que é o tempo? Qual é a rocha mais antiga da Terra? Quando e onde é que se formou o Sol? Que mensagens recebemos do espaço? O que são os vírus e qual a sua história? O que são bactérias resistentes? Quando é que os coelhos foram domesticados? Há rãs que congelam? Como é que era o cérebro de Einstein? As lágrimas são sempre iguais?
Estas e muitas outras perguntas encontram resposta no novo livro “Íris Científica 2”, de António Piedade, que vai ser lançado amanhã, dia 16 de Dezembro, às 18h00, no Rómulo Centro Ciência Viva da Universidade de Coimbra.
Esta obra de divulgação científica vai ser apresentada pelo professor doutor Carlos Fiolhais.
“Íris Científica 2” é um livro que reúne uma trintena de textos que viajam por diversas disciplinas da ciência: biologia, bioquímica, química, física, geologia, astronomia e história da ciência.
Os textos estão impregnados de uma abordagem interdisciplinar, o que no geral defende a tese de a cultura científica ser só uma.
Sobre o autor escreveu Carlos Fiolhais: «António Piedade é um talentoso comunicador de ciência. Com formação em bioquímica e vários artigos originais publicados nessa área do conhecimento científico, ele sabe como o “caminho se faz a andar”. Tem-se revelado, nos últimos anos, uma voz original na comunicação de ciência em língua portuguesa, uma voz que consegue com aparente facilidade transpor a barreira entre os primeiros exploradores e aqueles que estão interessados em saber novas da exploração. (…) Há um elemento muito peculiar na escrita de António Piedade que contribui sobremaneira para o prazer da leitura: é a marca literária, por vezes mesmo poética, que ele sabe imprimir à sua escrita».
António Piedade é Bioquímico e Comunicador de Ciência. É consultor científico do projeto “Ciência na Imprensa Regional” da Agência Nacional para a Cultura Científica e Tecnológica – Ciência Viva.







Sem comentários:

Enviar um comentário