Bem-vindo, bienvenido, bienvenu, benvenuto, welcome....


Silêncio cósmico

Pudera eu regressar ao silêncio infinito,

ao cosmos de onde vim.

No espaço interestelar, vazio, negro, frio,

havia de soltar um grito bem profundo

e assim exorcizar todas as dores do mundo.

Regina Gouveia

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Eventos...


Já em mensagem anterior referi  que em fevereiro passado, a livraria Poetria lançou o concurso O AMOR EM VISITA
O poema que eu enviei foi um dos selecionados para integrar uma coletânea que foi lançada no passado dia 8 de Novembro. Como também referi, não pude estar presente no lançamento porque nesse mesmo dia estive em Carrazeda de Ansiães, a convite de Biblioteca Municipal e num evento integrado na 25ª feira do livro. No dia seguinte apresentei em Alfândega da Fé, o livro Entre margens

Regressando à coletânea, hoje fui buscar o exemplar a que tive direito por ter sido selecionado o poema que enviei e que incluo a seguir
Cicatriz

Foi numa tarde cálida de agosto
que, há muito tempo,
no tronco de uma velha amendoeira
gravámos os nossos nomes, a cinzel.
As incisões, profundas, pintámo-las de  azul,
matiz dos amantes de Chagall.
O tempo foi fluindo.
Agonizava o  inverno,  
quando a árvore ancestral
se cobriu de nacaradas flores,
derramando no ar
o sempiterno odor a mel.
Chegou o verão.
Com ele agosto
e o tempo da apanha.
O primeiro fruto que colhemos
albergava, enlaçados,
dois grãos no seu interior.
Capricho da natureza?
Sortilégio do amor?

Cansada, a velha amendoeira
já quase não dá frutos,
mas no tronco, desbotada,
persiste a cicatriz.

E já que estamos a falar de coletâneas, em Junho   foi editada uma antologia de autores transmontanos que inclui 11 poemas meus, poemas esses que constam em Entre Margens
Em Carrazeda fiz três apresentações, envolvendo todos os alunos do pré primário e do primário. Eram muitas crianças mas correu bem.
Em Alfândega gostei muito da apresentação feita pelo meu amigo Francisco José Lopes, Diretor
Executivo do Agrupamento de Escolas. Para além disso, após a apresentação gerou-se uma conversa muito interessante em que o público participou


Na foto, Francisco José Lopes e a  Presidente da Câmara de Alfândega da Fé, Dra Berta Nunes 

1 comentário: