Bem-vindo, bienvenido, bienvenu, benvenuto, welcome....


Silêncio cósmico

Pudera eu regressar ao silêncio infinito,

ao cosmos de onde vim.

No espaço interestelar, vazio, negro, frio,

havia de soltar um grito bem profundo

e assim exorcizar todas as dores do mundo.

Regina Gouveia

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Pastelaria Serrana


Hoje fui lanchar à Pastelaria Serrana, a que fiz referência aqui no dia 31 de Janeiro. Decidi conversar com a senhora que a dirige, a mesma senhora que é entrevistada na reportagem da  TVI . O estabelecimento está nas mãos da família há 37 anos, pelo que  é muito forte a sua ligação ao mesmo. Conjuntamente com a mãe, passou a dirigi-lo após a morte do pai, há dez anos.

A obra, belíssima como podem  ver na reportagem, precisa de uma intervenção séria mas não parece haver ninguém interessado em preservar este património que a senhora, corajosamente, tenta manter de pé. Sou uma lutadora, disse-me. Talvez com esta divulgação da TVI e outras que serão sempre bem vindas,  haja um incremento apreciável  no movimento.

Hoje, por acaso ou não, a par de outros clientes, estava uma família francesa a lanchar

 
Pedi de empréstimo ao Vitorino a música da leitaria Garrett ,  de que gosto muito.
Alterei os versos que seguem,  adaptando-os para a Pastelaria Serrana (Ver os versos mais abaixo).

Leitaria Garrett dá cá o pé
Ai tira a mão, João,
Da coxa doce,
Já está, antes não fosse...
O Saricoté, foi parar à Marques
Lá pràs Belas-Artes...



Pastelaria Serrana, junto a S. Bento.        
Quem dá a mão, senão         

mais se degrada                          

e importa conservá-la.               
Não vamos deixá-la só à sua sorte,

uma  jóia do Norte....

 

 

4 comentários:

  1. Não conheço a Pastelaria....e até é interessante o facto de se chamar pastelaria, termo lisboeta para confeitaria. É uma pena haver dinheiro para tanta coisa e não haver para outras. Reparei que estão a pintar o gradeamento e os portões da Casa das Artes, fiquei feliz, parecem outros, mas será que vão restaurar o resto? Incógnita...

    Bjo

    ResponderEliminar
  2. Olá Regina
    Que vontade me deu de ir à Pastelaria Serrana. Não vou deixar de lá ir, muito brevemente.

    Um beijo grande.

    ResponderEliminar
  3. Se lá forem peçam para ir ao andar de cima ver, pois em baixo infelizmente já foi alterada há muito. De baixo veem-se tetos e decorações mas só em cima é que conseguem ver as mesas, cadeiras,etc
    Aproveitem para ver a recuperação que está a ser feita nas Cardosas, mesmo em frente a S. Bento
    Bjs
    Regina

    ResponderEliminar
  4. Estive quase para lá ir ontem com a minha filha Olga, que já a conhecia, mas faltou-nos o tempo.

    Um beijo.

    ResponderEliminar