Bem-vindo, bienvenido, bienvenu, benvenuto, welcome....


Silêncio cósmico

Pudera eu regressar ao silêncio infinito,

ao cosmos de onde vim.

No espaço interestelar, vazio, negro, frio,

havia de soltar um grito bem profundo

e assim exorcizar todas as dores do mundo.

Regina Gouveia

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Ensino Experimental das Ciências, um guia para professores do ensino secundário



Tal como aqui anunciei há uma semana, na passada 5ª feira, no Departamento de Física da  FCUP, foi apresentado pela Professora Drª Helena Caldeira (UC),  o livro Ensino Experimental das Ciências, um guia para professores do ensino secundário (Física e Química). 
Encontrei amigos, antigos colegas e antigos estagiários, professores do Departamento de Física com quem tive o privilégio de trabalhar em diferentes situações e, obviamente,  apresentadora e  autores.
Conheço a apresentadora e  três dos autores, já há largos anos. Sei do seu profissionalismo,  do seu empenho, da sua dedicação e da sua competência . Bastaria o seu nome para eu aconselhar o livro, mesmo sem o ler. 




Mas quis lê-lo antes de aqui o referir .
Para além do prefácio, da autoria da apresentadora, e  de uma breve introdução feita pelos autores, o livro desenvolve-se em cinco capítulos:
  1. O que é a Ciência
  2. Ensino das Ciências
  3. Análise e tratamento de dados experimentais
  4. Ensino da Física
  5. Ensino da Química

Do prefácio, extraio dois excertos dos últimos parágrafos



Revi-me neste livro pois tentei implementar ( não sei se o teria conseguido) um ensino da Física e da Química, tal como aqui é defendido.

Parabéns aos autores e, apesar de não mandatada para o fazer, deixo  um muito obrigada em nome dos professores de Física e Química do ensino secundário.

3 comentários:

  1. Mais do que a teoria tb é a prátic que me fascina e sempre me levou a progredir. Emboras as línguas não sejam como a Ciência, a prática é essencial para se aprender e por isso é tão importante o professor dar lugar ao aluno e o TT (Tempo do Professor) ser mais curto do que o ST (tempo do aluno). Se tivesse tido um ensino experimental a Física talvez não tivesse tido tanta dificuldade, embora o meu problema não fosse compreender, mas fazer as contas com fórmulas.
    Parabens

    ResponderEliminar
  2. Embora neste momento a minha função já não seja ensinar, vou comprar o livro para reconhecer os erros qoe porventura cometi e poder aconselhar se alguém me pedir uma opinião.

    Um beiji.

    ResponderEliminar
  3. E aqui cometi já dois erros.
    Na 3ª linha "que"
    Na última "beijo"

    ResponderEliminar