Bem-vindo, bienvenido, bienvenu, benvenuto, welcome....


Silêncio cósmico

Pudera eu regressar ao silêncio infinito,

ao cosmos de onde vim.

No espaço interestelar, vazio, negro, frio,

havia de soltar um grito bem profundo

e assim exorcizar todas as dores do mundo.

Regina Gouveia

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Façam o favor de ser felizes: Breves

Raul Solnado, que já não está entre nós, deixou-nos  um apelo: «Façam o favor de ser felizes».
É nesse sentido que deixo este vídeo.

Deixo também alguns dados de uma  exposição na escola/galeria Utopia , Sexto Sentido- arte no feminino, de três colegas da escola,  onde todos nos esforçamos para ser felizes

Aqui ficam trabalhos de cada uma das autoras (de acordo com a ordem estabelecida no catálogo)


E por último, Felicidade com Tom Jobim e Vinícius

4 comentários:

  1. Video muito encorajador, fotos que pecam por poucas, uma expoisção que quero ver....não ei quando. Gosto muito das três pintoras que bem conheço da Utopia e que merecem apreço não só como artistas , mas também como pessoas generosas e amigas. Muitos parabéns a elas e obrigada a ti por compartilhares o evento connosco.

    bjo

    ResponderEliminar
  2. Hoje sinto-me inclinada a concordar com o Vinicius quando diz "Tristeza não tem fim
    Felicidade sim"

    Um beijo, Regina.

    ResponderEliminar
  3. Obrigada Regina pelo seu post sobre a nossa exposição. Não me considero nada de especial, a sério,comparada com a sua arte, a da Virgínia ou de outros da Utopia, mas enquanto lá estou sou feliz. Feliz por pintar, por estar com os outros, por ver os trabalhos dos colegas.e nesta fase da minha vida isto é importante.
    Agradeço mais uma vez a sua amabilidade e também a sua generosa presença, que muito estimei.
    PS: Aproveito para agradecer à Virgínia o seu comentário e espero pela sua visita.
    Beijinhos da Maria Eugénia

    ResponderEliminar
  4. Não tem nada que agradecer; tive muito gosto em fazer alusão à mesma. Muitas vezes a falta de tempo é que não permite que refira no blogue tudo quanto gostaria de referir. Quanto à minha arte é uma pobre arte... mas também me faz sentir muito bem o que é importante.
    Um beijinho para si e também para a Virgínia e a Graciete

    ResponderEliminar