Bem-vindo, bienvenido, bienvenu, benvenuto, welcome....


Silêncio cósmico

Pudera eu regressar ao silêncio infinito,

ao cosmos de onde vim.

No espaço interestelar, vazio, negro, frio,

havia de soltar um grito bem profundo

e assim exorcizar todas as dores do mundo.

Regina Gouveia

sábado, 25 de setembro de 2010

Estrelas…

No passado dia 13 nasceu a minha neta Marta, subindo assim para quatro o número de netos …No dia seguinte, dia 14, fez cinco anos o irmão e houve que festejar o aniversário com a família e os amiguinhos. No dia, um jantar com o pai ( a mãe estava na maternidade), os tios , os primos e os avós pelo lado paterno. No domingo, dia 19, uma festa com a família de ambos os lados e os principais amiguinhos. Criaram-se jogos e brincadeiras, caças ao tesouro, enfim, foi uma tarde longa e  muito divertida.
Por isso, envolvida com a nova “estrela” da família (que de modo algum atenua o brilho das outras três…) com o aniversários do irmão e a assistência aos primos,  tudo o mais passou para 2º plano.

Hoje, após 15 dias de ausência, regresso ao blogue para falar de estrelas, ou melhor, de galáxias



Galáxia elegante numa luz invulgar

É este o título de um artigo muito interessante em de que deixo uns excertos.

A galáxia captada pelo ESO

A nova imagem obtida com a poderosa câmara HAWK-I montada no Very Large Telescope do ESO, no Observatório do Paranal, Chile, mostra a galáxia NGC 1365 no infravermelho, uma bela galáxia espiral barrada. A NGC 1365 faz parte do enxame de galáxias Fornax, situada a de 60 milhões de anos-luz de distância da Terra.
Esta e outras galáxias do mesmo tipo foram observadas mais atentamente em anos recentes quando novas observações indicaram que a Via Láctea poderia também ser uma galáxia espiral barrada. Este tipo de galáxias são bastante comum - dois terços de todas as galáxias espirais são barradas, de acordo com estimativas recentes, e por isso estudar outras galáxias do mesmo tipo poderá ajudar os astrónomos a melhor compreender a nossa própria casa galáctica.


A Via Láctea ou Estrada de Santiago, como lhe chamava em criança, sempre me fascinou. Em tempos "dediquei-lhe"  um poema que ainda não foi publicado e que aqui deixo.


Via Láctea

Hoje, ao olhar o firmamento, na direcção de Cassiopeia e de Perseu

deparei com algo, que não via no céu há muito tempo.

Na nossa galáxia espiral, milhões de estrelas em cintilação

definiam como que uma estrada, uma mancha difusa, esbranquiçada.

Muitas delas já nem estrelas serão pois as estrelas,

como qualquer mortal, também nascem, crescem e fenecem.

A mitologia, que sempre alimentou a humana fantasia,

tem, para a dita estrada, outra explicação.

Júpiter que, apesar de ser deus, de galáxias e estrelas nada percebia,

decidiu criar no céu aquela via

E assim, enquanto Juno o filho amamentava, pelo céu algum leite derramava.

O que Júpiter jamais suspeitaria é que tal via,

mais tarde serviria a uma outra fé, num outro deus.

3 comentários:

  1. O nascimento é um acontecimento maravolhoso. Eu acho que é o melhor que um pai ou uma mãe pode experimentar! Claro que para os Avós também é um momento muito especial...
    Quando alguém nasce, na família, todos ganham.
    Parabéns!!

    Adelaide Pereira

    ResponderEliminar
  2. É fantástico ter netos...e netas.Parabéns, mais uma vez.
    Só tenho rapazes, mas não me importo nada pois hoje em dia, temos rapazes a dançar e raparigas de pistola em punho!:))

    O meu neto de 4 anos entrou agora para o ballet, pois adora dançar, é uma coisa que nasceu com ele, tem um corpo elástico, faz coisas incríveis ao ritmo certo.

    Quanto as galáxias são espantosas. Visita o site do Miguel Claro o astrofotografo que já publicou 5 vezes na página da NASA, como foto do dia.Está no meu blogue.

    Na Luz consigo ver a Via Láctea com uma extraordinária nitidez, mas aqui na cidade não há!

    Felicidades para os teus meninos pequeninos, deve ser um ranchinho delicioso.

    ResponderEliminar
  3. Obrigada às duas.
    No que respeita aos netos já o Poeta dizia que o melhor do mundo são as crianças...
    Virgínia
    Quanto às galáxias obrigada pela sugestão do site
    Um ab

    ResponderEliminar